NOTÍCIAS

Um pequeno comentário sobre a minha ou melhor a nossa indignação quanto ao transporte seguro das crianças

NULL
Publicado em

    “Eu Já Sabia“ que as diretrizes da Res. 277,  que  regulamentam  os art. 64 e 65 do CTB, a respeito do transporte seguro das crianças já surgiram cheias de brechas e que logo cairiam por terra e ao descrédito da sociedade e dos especialistas em segurança de trânsito que aguardavam tanto por ela.
    Teria sido necessário a  implantação de uma Política Pública Nacional de trânsito apropriada e em conformidade com a necessidade de cada usuário em seus diversos modais. Sejam os pais, os  educadores, nas escolas formais e não formais como por exemplo os instrutore dos CFCs,  as enfermeiras, as assistentes sociais, os doutores, na maternidade, os condutores particulares ou profissionais, os caminhoneiros, os escolares, os  taxistas, estes últimos, por exemplo, poderiam ter recebido credenciais, talvez selos de segurança específicos para o transporte das crianças que os regulamentassem sobre a idade de cada uma delas e ao número de equipamentos compatíveis e cabíveis  no porta-malas de seu veículo.
    É lamentável, aguardarmos ansiosos por um período de dez anos desde a publicação da Res.15/98 até a Res. 277/08, e quando ela entraria  em vigor, recebemos a notícia antecipada de que haverá publicação de deliberação pelo Contran prorrogando o prazo.
    Na verdade nós “já sabíamos“ que sem Políticas Públicas adequadas de educação para a prevenção e de fiscalização sem poder de autuação, não seria possível atingirmos a reduçao dos índices de mortes e de ferimentos com sequelas irreversíveis que sofrem as  nossas preciosas crianças envolvidas em acidentes de trânsito.

Geralda Cláudia Hipolito S. Braga
Especialista em Educação de Trânsito
Diretora de Ensino de CFC

COMPARTILHAR

Veja

também

Pesquisa mostra que 43% dos usuários têm medo de usar transporte público no pós-pandemia

Perkons é uma das melhores empresas para trabalhar

Cidades apostam na Muralha Digital para gestão de trânsito e repressão a crimes

Perkons apresenta primeiro carro 100% elétrico da frota para manutenção dos equipamentos de Curitiba

Perkons e Prefeitura de Curitiba iniciam teste de equipamento que promete identificar condutores barulhentos no trânsito

Juntos salvamos vidas é o tema da Semana Nacional de Trânsito

Lombada eletrônica completa 30 anos e já ajudou a salvar mais de 80 mil vidas

Homens continuam a ser mais imprudentes no trânsito

Perkons, uma das empresas mais inovadoras do país, completa 31 anos

Chuva e neblina podem comprometer a segurança no trânsito

Nascemos do ideal por um transitar seguro e há três décadas nossos valores e pioneirismo nos permitem atuar no mercado de ITS atendendo demandas relativas à segurança viária, fiscalização eletrônica de trânsito, mobilidade urbana e gerenciamento de tráfego.

Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies. Saiba mais em nossa Política de Privacidade.