NOTÍCIAS

Perkons promove em Lima debate sobre a década pela segurança no trânsito

Presente no III Fórum de Trânsito, o instituto argentino ISEV defende a institucionalização da segurança do trânsito como primeiro passo para diminuir os acidentes de trânsito.

Publicado em
Perkons promove em Lima debate sobre a década pela segurança no trânsito

Entidades públicas e privadas, especialistas e estudiosos na área de trânsito e transportes do Peru se reunirão no dia 30 de novembro para pensar o futuro do trânsito no país na terceira edição do Fórum “Por um trânsito mais cidadão”, com o tema “Segurança viária: desafios e estratégias para uma nova década”.
Promovido pelo Consorcio Tránsito Ciudadano, que opera sistemas de fiscalização e gestão de trânsito no município de Callao, o evento apresentará o panorama da violência viária sob o prisma da saúde pública e ações que são exemplos para o país.
Callao, cidade porto e aeroportuária na região metropolitana de Lima, é referência no tema, por ter reduzido o número de acidentes de trânsito em 74% de 2006 a 2008 (dados da Polícia Nacional do Peru) com medidas de controle da velocidade, fiscalização por câmeras e ações educativas. Carlos Araujo Lima, conselheiro da fundação peruana Transitemos e diretor da Perkons Andina, empresa líder do consórcio, explica: “Nossa experiência em Callao mostra que soluções integradas de educação, engenharia e supervisão de trânsito podem mudar o cenário da violência viária em nosso país. Inverter a visão que favorece apenas os condutores e mostrar que a prioridade é do pedestre é também um desafio que queremos propor neste fórum”.
Desde que as lombadas eletrônicas foram instaladas no município, houve uma redução progressiva no número de infrações, mesmo com o incremento da frota monitorada. A taxa de infração por fluxo veicular reduziu de 2,4% em 2007 para 0,4% em 2010 (seis vezes menor).

Clique aqui e confira o caso Callao

Institucionalização da segurança viária
Institucionalizar a segurança de trânsito seria confiar a uma instituição especializada os cuidados inerentes à utilização das vias para deslocamentos de pessoas, veículos e bens, o que abrange conhecimento multidisciplinar.
Para debater sobre o assunto, esta terceira edição do Fórum “Por um trânsito mais cidadão”, conta com o Diretor do Instituto de Seguridad Vial (ISEV), Eduardo Bertotti. Ele apresentará a experiência argentina a partir da criação da Agencia Nacional de Segurança Viária e a incorporação da educação de trânsito como formação de valores no Ciclo Formal Educativo Argentino.
Segundo ele, esse processo de institucionalização está apoiado em quatro pilares: a assunção da segurança viária como política de estado; a elaboração, implantação e continuidade de um programa de ação; obtenção de recursos específicos em orçamento nacional; a definição de uma autoridade responsável. 

Serviço
Fórum “Por um trânsito mais cidadão – segurança viária: desafios e estratégias para a nova década”
Realiação: Consórcio Tránsito Ciudadano
Data: 30 de novembro, das 8:00h às 13:30h
Local: Colegio de Ingenieros (Lima)
Informações: foro@ctcallao.com.pe

Expositores: Eduardo Bertotti, Diretor do Instituto de Seguridad Vial (ISEV) na Argentina; General PNP Enrique Medri Gonzales, Presidente do Conselho Nacional de Segurança Viária; Dra. Sonia Escudero Vidal, Coordenadora Nacional da Estratégia Sanitária Nacional de Acidentes de Trânsito; Diego Vargas, técnico do Conselho Nacional de Segurança Viária do Ministério de Transportes e Comunicações; Dr. Joel Collazos, Secretário do Ministério da Saúde (MINSA); Carlos Araujo Lima, Presidente da Comissão de Educação e Segurança no Trânsito da Fundação Transitemos.

COMPARTILHAR

Veja

também

Perkons, uma das empresas mais inovadoras do país, completa 31 anos

Chuva e neblina podem comprometer a segurança no trânsito

Aumento nos combustíveis pode diminuir número de veículos circulando

Crianças e adolescentes por um trânsito mais seguro

Maio Amarelo mostra como cada pessoa pode salvar vidas

Cresce o número de mulheres motoristas profissionais

Tecnologia facilitando a vida dos condutores

Sinalizar corretamente um acidente evita mais vítimas e infrações

Volta às aulas exige cuidados redobrados com o transporte escolar

Cruzamentos ainda são locais com grandes números de acidentes

Nascemos do ideal por um transitar seguro e há três décadas nossos valores e pioneirismo nos permitem atuar no mercado de ITS atendendo demandas relativas à segurança viária, fiscalização eletrônica de trânsito, mobilidade urbana e gerenciamento de tráfego.

Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies. Saiba mais em nossa Política de Privacidade.