NOTÍCIAS

São José dos Campos recebe especialistas para falar de trânsito

Evento contou com profissionais que atuam no setor de vários estados
Publicado em

    A Perkons e a Sentran realizaram, nesta quinta-feira (2), o primeiro Ciclo de Palestras sobre Mobilidade e Segurança no Trânsito de São José dos Campos, no interior paulista. O evento contou com a participação dos especialistas José Mario de Andrade (diretor de negócios internacionais da Perkons), Julyver Modesto de Araújo (presidente da Associação Brasileira de Profissionais do Trânsito – ABPTRAN), Dalny Sucasas (engenheiro especialista em trânsito) e Philip Gold (diretor de Gold Projects – consultoria internacional em transportes e tráfego), referências no segmento de trânsito no Brasil.
    As palestras, realizadas no auditório do Parque Tecnológico da cidade, levaram informações sobre engenharia, mobilidade, legislação de trânsito e soluções para a gestão de trânsito para 180 participantes de várias localidades brasileiras. Nas palestras, foi falado sobre tecnologia, violência viária, aplicabilidade das leis de trânsito e apresentado o caso de sucesso do Rio de Janeiro em implantar tecnologias de trânsito de forma integrada para melhorar o fluxo na cidade.
    O evento contou com a presença de psicólogos, fiscais de trânsito, empresários do setor de transportes, gestores dos órgãos de fiscalização, dentre outros. Para Eduardo Ramalho, gestor da Sentran, as palestras foram além do propósito inicial. “Tínhamos pensado em realizar um evento focado nos gestores e fiscais de trânsito para discutir o trabalho desenvolvido nos municípios. No entanto, as pessoas vieram interessadas em trocar experiências e levar soluções para o trânsito em suas cidades. Sem dúvida, esse papel foi cumprido pelo evento”, avalia.
    Segundo José Mario de Andrade, diretor de negócios internacionais da Perkons, os profissionais que participaram do evento agora precisam dar continuidade ao trabalho nas cidades. “A discussão sobre o trânsito, seus gargalos e soluções é extremamente complexa; necessita pesquisa, troca de ideias e esforço. Tudo isso foi apresentado no ciclo de palestras. Fomentar o trabalho desses profissionais com informações e pontos de vista é uma forma de enriquecer os projetos desenvolvidos em cada um dos municípios”, afirma Andrade.



COMPARTILHAR
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no print
VEJA TAMBÉM

CTB completa 24 anos com crescimento e envelhecimento da frota nacional

No verão cresce o número de acidentes envolvendo ciclistas

Fugir do local do acidente é crime, mesmo quando não há vítimas

Brasil se mobiliza com ações em homenagem às vítimas de trânsito

Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies. Saiba mais em nossa Política de Privacidade.